Inovação para combater a crise

Data: 25/06/2015
Fonte: Opinião


Lúcio Silva Presidente do Sindicato das Indústrias de Produtos de Cimento do Estado de Minas Gerais (Siprocimg) Nos anos anteriores, o cenário era de desenvolvimento em Minas Gerais e de demanda crescente por produtos de cimento. No período entre 2007 e o ano passado, a situação favorável fez com que as empresas do setor investissem tanto na área de produção e maquinário quanto na capacitação dos funcionários, por isso, hoje temos plantas muito bem montadas entre as associadas e filiadas do Sindicato das Indústrias de Produtos de Cimento do Estado de Minas Gerais (Siprocimg). Mas, no momento atual, com a queda do nível de atividade na indústria da construção, temos empresas trabalhando aquém da sua capacidade. Outro fator que vem impactando na produção do segmento de artefatos de cimento este ano é a alta dos custos, principalmente, com energia e combustível.

Porém, acreditamos que a acomodação perante tempos difíceis não leea à melhoria dos negócios para as empresas. Frente a isso, o Siprocimg tem buscado incentivar uma mudança de postura das suas associadas a fim de enfrentar o momento delicado da economia, fomentando o investimento em inovações e a procura por soluções. Um acalento já foi dado com o lançamento do pacote de concessões para infraestrutura, pela presidente Dilma Rousseff, o que, se sair do papel, impacta diretamente a indústria de cimento em Minas e em todo o país. A orientação que temos passado, como sindicato, é que as empresas se articulem na área de produção e na área comercial, trabalhando com prazos diferenciados tanto para clientes quanto para fornecedores. O Siprocimg também busca fazer seu papel de representação e aproximação política junto ao governo e à administração pública, que ainda tem muito o que fazer no âmbito da construção civil. Para isso, o mercado mineiro apresenta profissionais e indústria preparados para as demandas, além de matéria-prima e produtos de alta qualidade.

Entendemos que cada empresa vive uma situação diferente, mas o quadro geral é de baixa nas demandas para o setor. O Siprocimg acredita que momentos de crise exijam uma reinvenção das empresas a fim de buscar soluções, como a diversificação da cartela de clientes, tirando o foco dos grandes para os pequenos empreendimentos. A inovação dos produtos como forma de se fortalecer e se destacar no mercado é também uma boa tática.

Exemplo disso é o fato de que o Siprocimg aumentou sua participação na edição deste ano do Minascon/Construir Minas 2015, maior feira da construção civil em Minas Gerais. Com a Praça do Concreto, espaço de 720m² , a cadeia estará representada por diversas empresas do setor, responsáveis por apresentar e discutir produtos e serviços à base de cimento disponíveis para o espaço urbano, considerando, entre outros fatores, questões ligadas a sustentabilidade, qualidade e inovação de produtos, empreendimentos e infraestrutura.

O Siprocimg é filiado à Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg) e representa cerca de 2,4 mil empresas em todo o estado. São produtoras de cimento, artefatos de concreto, argamassas, lajes, pisos e qualquer outro produto que contenha ou seja derivado de cimento. Ou seja, são materiais que constituem a base da construção civil. É sabido por todos que o crescimento e desenvolvimento de qualquer região passa pela construção civil e as indústrias de cimento são parte primordial nesse processo. Portanto, acreditamos que a contribuição do segmento seja imprescindível para recuperar o estado e o país deste momento de crise, criando soluções em produtos e participando ativamente das negociações junto à administração pública para a retomada dos obras de infraestrutura.

Leia também

» Minascon/Construir Minas movimentou R$ 95 milhões » Votorantim Metais apresenta vantagens sobre galvanização no MINASCON 2015 » Programação técnica é destaque no primeiro dia do Minascon 2015
Promoção e Organização
Fagga
Realização
Sistema FIEMG
Informações & Vendas:
+55 21 2441-9100
construirminas@construirminas.com.br
Endereço:
Rua Salvador Allende, 6.555
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro, RJ